A arte por trás de Like Clockwork

Londres, Inglaterra
O Queens of the Stone Age lançou no dia 3 de Junho o seu 6º álbum, "... Like Clockwork", que contou com as participações de Elton John, Alex Turner (Arctic Monkeys) e Dave Grohl (Foo Fighters). Curiosamente, antes mesmo do lançamento o disco já era bastante comentado por conta dos videoclipes divulgados pela banda. É que, no fundo, a arte por trás de "... Like Clockwork" é tão importante quanto as canções se você quer entender a verdadeira mensagem do disco.




As animações para as músicas "I appear missing", "Kalopsia", "Keep your eyes peeled, If I had a tail" e "My god is the Sun", divulgadas no período que antecedeu o lançamento do disco, foram produzidas pelo mesmo artista responsável pela capa do álbum e pela nova identidade visual da banda: o jovem inglês Stu Madden, o Boneface, artista com características muito próprias inspiradas em videogames, quadrinhos e filmes trash.

A arte por trás de "... Like Clockwork" é tão importante quanto as canções se você quer entender a verdadeira mensagem do disco

"Meu desenho tem muita influência das pessoas que eu admirava quando criança, principalmente os super heróis e vários tipos fodões. Eu tento usar esquemas de cores daquela época, ao invés dessa mistura cinza/marrom que parece dominar a cultura popular atualmente", explicou o artista de 25 anos, responsável pelas obras abaixo.




Boneface foi convidado pessoalmente por Josh Homme, vocalista da banda, para ir até o estúdio onde o Queens of The Stone Age estava gravando o novo disco. Depois, foi convidado a ouvir as músicas ainda brutas para interpretá-las e criar uma identidade visual completa para o trabalho.

"O logo significa algo como: foda-se o que você acha que sabe sobre nós, e foda-se o que você ouviu sobre a gente. Apenas ouça isto. Pelo menos, é isso que eu quis dizer", comentou o artista em entrevista recente, tentando sintetizar o significado da arte desenvolvida para o novo logo do grupo.

Capa do álbum.

 
Novo logo da banda. 

 
Logo para materiais promocionais e LP's.


Os videoclipes foram uma parceria entre Boneface e Liam Brazier, ilustrador e animador inglês. O objetivo era fazer algo sangrento e sombrio que refletisse as letras do álbum. Questões como os obstáculos da vida e o sofrimento geraram um dos resultados audiovisuais mais comentados de 2013 na Grã-Bretanha.



A união das artes de Boneface e  Liam Brazier, as novas composições de Josh Homme e as participações especiais de outros artistas resultaram no sucesso quase instantâneo de "...Like Clockwork", que levou a banda ao número 1 das paradas da Billboard pela primeira vez.

Agora que você já conhece o conceito por trás do álbum, que tal ouví-lo na íntegra?

... Like Clockwork by New Yeah on Grooveshark

O que você achou disso?

Leia também:

Jim Morrison, morreu mesmo?

Histórias mal contadas, boatos estranhos surgidos com o tempo e possíveis reaparições após a morte até hoje criam muitas teorias em torno da morte do líder do The Doors. Continue lendo

Copyright © 2013 New Yeah Música, todos os direitos reservados.