Novo álbum: Mellow Punishment - Japanese Bondage

São Paulo, Brasil
No último dia 29 os paulistas da Japanese Bondage lançaram seu primeiro álbum completo, Mellow Punishment, o sucessor do elogiado EP da banda. Mais uma vez chegaram dando chute na porta de muita gente e como eles mesmos definiram o disco são "46 minutos de porrada consciente, sustentável, sexy sem ser vulgar".



"46 minutos de porrada consciente, sustentável, sexy sem ser vulgar".
No início do mês o quarteto divulgou o primeiro single do novo disco, "Bound to your love", a faixa que lembra desde o punk confuso, porém bem organizado do Ramones até o grunge do Nirvana, características que puderam ser vistas no trabalho anterior da banda e que agora aparecem mais nítidas e bem trabalhadas, arriscando vocais no estilo Josh Homme e apostando na sujeira das guitarras, com bases e solos saturados na medida, sem contar os overdubs de guitarra dando um peso maior ao conjunto. Exemplo dessa progressão foi a regravação de "Blackmailing The Dead", uma das faixas do antigo EP.



Mellow Punishment possui 10 faixas, 8 inéditas e 2 regravações, dentre elas a já citada "Blackmailing The Dead" e “Heavy Munchies”, ambas do EP de estréia. O melhor de tudo é que o trabalho foi disponibilizado para download aqui e o EP também, aqui.

Japanese Bondage nasceu em 2010 formada por Pedro Gesualdi (guitarra e voz), Johnny Queiroz (bateria), Francisco Borelli (baixo) e Bruno Bonemer (guitarra), desde então a mistura entre o punk, o stoner rock e os percalços da vida renderam 1 EP, um álbum e 1 clipe, além da participação em diversos festivais pelo país.
Para se manter informado sobre os lançamento e novidades basta acompanhar o facebook e visitar o site da Japanese Bondage.  

O que você achou disso?

Leia também:

Jim Morrison, morreu mesmo?

Histórias mal contadas, boatos estranhos surgidos com o tempo e possíveis reaparições após a morte até hoje criam muitas teorias em torno da morte do líder do The Doors. Continue lendo

Copyright © 2013 New Yeah Música, todos os direitos reservados.